Blog - Saga MINI

3 dicas práticas para um abastecimento adequado e econômico do seu veículo

19/06/2020

Abastecimento do veículo é um tema nem sempre muito agradável aos proprietários de carro. Afinal, trata-se da despesa mais recorrente e uma das mais onerosas para quem possui um automóvel.

E é exatamente por possuir essas características que é fundamental fazer dessa tarefa incômoda – o abastecimento – a mais econômica e eficiente possível, a fim de se poupar uma quantidade significativa de dinheiro ao longo prazo.


Abasteça com regularidade

Muitas pessoas adotam a seguinte sistemática com o carro: abastecem-no, utilizam toda a gasolina e, enfim, quando o combustível chega na reserva, faz um novo abastecimento.

Esta prática não é boa sob nenhum ponto de vista. Afinal, se algum imprevisto ocorrer, como ficar preso a um congestionamento ou, na estrada, a próxima parada estar muito distante, o risco de passar pelo aborrecimento de ficar sem gasolina é alto.

Sem falar no aspecto infracional, pois a chamada “pane seca” é considerada uma infração média, passível de multa e remoção do veículo.

Este, porém, não é o único problema decorrente da prática de andar com o carro constantemente na reserva. Um outro está relacionado a problemas mecânicos que acontecem em decorrência da baixa quantidade de combustível.

Portanto, evite utilizar o carro com combustível na reserva. Adote como prática abastecer o veículo sempre que o contador apontar que o tanque está abaixo da metade.

Isso evita contratempos e mais: representa uma melhor aproveitamento do combustível, o que significa também economia.

Encha o tanque com cuidado

Você é daqueles que prestam atenção no abastecimento que o frentista está fazendo em seu carro ou prefere se ligar na música do rádio e no celular?

Se você faz parte da primeira turma, certamente já percebeu que alguns frentistas forçam a bomba de combustível na hora de abastecer, o que fazem muitas vezes com o intuito de arredondar o valor.

Isso, porém, prejudica muito o cânister, que é o filtro que controla, entre outras coisas, a emissão de poluentes. Quando ele está danificado, o consumo de combustível se eleva, provocando também, consequentemente, maior emissão de poluentes.

Portanto, a dica é a seguinte: geralmente, a bomba trava automaticamente quando o tanque do carro atinge a capacidade máxima. Ao abastecer, avise sempre ao frentista que ele deve para neste ponto.


Frequente postos de confiança

Esta é uma dica de ouro: abasteça em postos tradicionais, onde o ambiente seja organizado, limpo, ofereça ampla variedade de serviços, com equipe de funcionários que demonstra conhecimento técnico e dos produtos.

Outro ponto que pode ser observado é o das grandes franquias, onde o controle do combustível é mais rigoroso e, portanto, o risco de se abastecer com gasolina ou etanol adulterados é reduzido.

E o mais importante: se o seu carro se deu bem com o combustível de determinado posto, tente, sempre que possível, abastecer nesse mesmo estabelecimento, onde a qualidade já foi atestada por você.

É bom ficar ligado também, de olho bem aberto, com aqueles postos que cobram um valor abaixo da média, pois eles geralmente oferecem um combustível de baixa qualidade, de rendimento muito menor. 

Por fim, lembre-se sempre de procurar por selos de qualidade do combustível, bem como certificados emitidos pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) ou da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis).

Gostou das nossas dicas para um abastecimento mais adequado e econômico do seu veículo? Então continue acompanhando o Grupo Saga pelos nossos blogs e redes sociais redes sociais.



Fale conosco
Loading...